Maria Radiante


1 Comentário

Adivinha onde!

Na luz dos holofotes.

Na luz do palco.

Na média luz.

Na busca do tempo.

No sorriso largo.

No ficar para sempre.

Anúncios


Deixe um comentário

#NoFilter

Pré Scriptum: muito trabalho, crises de asma, exames na faculdade, exames no hospital, férias, falta de vontade, ginásio. Pronto, já dei as desculpas todas.

Post: Ai que vocês “não sabem nem sonham” o farta que eu ando do raio do #NoFilter. Cada vez que vejo essa m#$%& num raio de uma publicação apetece-me desatar à chapada em alguém. Agora é tudo sem o raio do filtro. Tiram uma foto, é sem filtro. Escrevem uma citação bonita, é sem filtro. Sem filtro fico eu e aquilo que me apetecia escrever nesses posts é que é sem filtro. Mas sem filtro mesmo que eu já nasci assim e às vezes fica-me muito difícil disfarçar…

Tenho dito, vou só ali cortar os pulsos e tirar uma foto e pôr #NoFilter. Porque que raio de filtro é que se põe nuns pulsos cortados? O filtro dos brilhinhos? Melhor não, as purpurinas ardem nas feridas, de certeza…

Fiquem mas é com os Molotov e com o que eu acho dos #NoFilter: Apocalypshit.


2 comentários

Comentário de cão

Só para manter os equilíbrios, antes de ir para a cama fui buscar meia caneca com estrelitas sem leite. O senhor cão sentou-se ao meu lado e eu perguntei-lhe:

“Smashinho, estás à minha beira porque me adoras ou porque queres ver se há chuva de estrelas para os teus lados?”

Não me respondeu e lá lhe dei meia estrelita… mastigou como se não houvesse amanhã daquela maneira irritante que me faz revirar os olhos e, não contente com o espetáculo, acabou de ruminar a meia estrelita e pôs-se a monte.

Gosta mais de estrelitas, está visto.

Olha lá se eu te digo “The dog days are over”? Depois é “run faster for your [human] mother”!!!


Deixe um comentário

Dia de treino

Tem sido, várias vezes. E tenho andado toda rota e o sítio onde vi resultados imediatos sabem qual foi? As olheiras, meus caros. Posso estar a morrer de cansaço que a pele está lisinha e clarinha. E viva o g.a.m. (ginástica ante meridiem  ou até à morte… como quiserem)!

E só para vos atualizar, estes senhores já andam a tocar no meu ipod há uns tempos de tanto serem fabulosos. Para correr é fantástico!


2 comentários

A sério que adoro

Juro-vos mesmo que adoro a festa em honra da Nossa Senhora da Saúde. Juro mesmo. Tem caladinhos e bolinhos de amor e porras e dá para os ir buscar em cinco minutinhos se der a vontade súbita de comer dessas coisas. Juro mesmo que adoro. A única coisa que não adoro é já passar da uma da manhã e o concerto ainda estar a acontecer… dentro do meu quarto.

Alguém desliga o vento que traz o som para estes lados, se faz favor?

Tenho dito.

Obrigada a quem puder desligar o vento… ou os amplificadores… ou a voz do senhor que está a cantar. Ao menos, no ano passado era Marante e eu conhecia as músicas…