Maria Radiante

Só mesmo em Milheirós da Maia

Deixe um comentário

Já se sabe que moro na aldeia, caso ainda restem dúvidas, vão fazer um refresh a este post antigo e elas desaparecem logo.

Vamos lá então passar a explicar a minha constatação ( outra vez!!!).

Eu sou claramente viciada nas redes sociais, e a verdade é que, como já não ando de transportes, tenho de ir buscar material para aqui para a Radiante a algum lado… Facebook, portanto…

Posto isto, acabei de ver um pedido para entrega de currículos muito enigmático, quase a tentar esconder o sítio para onde se iria responder: “os interessados mandem currículo por mensagem privada”… Ora, a minha pergunta é: porquê tanto segredo?

O post diz “para um restaurante em Milheirós”. Só há um!!!

Ainda se estivéssemos a falar de clubes de futebol… aí teríamos de nós perguntar para qual seria: se o A. C., se o Inter, mas não, restaurantes só há um, mesmo. Mais vale ir logo lá direto levar o currículo.

Gente, Milheirós tem autocarros a passar de três em três horas!!! Acham mesmo que tem toda uma panóplia de restaurantes por onde escolher? O restaurante é bom, mas não deixa de ser o único.

Aliás, vamos fazer uma listagem das coisas que há em Milheirós:

Junta de freguesia

Igreja

Correios (tem dias…)

Três cafés (que loucura!!!)

Um restaurante

Dois clubes de futebol

Um colégio 

Uma escola primária

Uma espécie de centro de saúde (mais ou menos, já que às vezes fecha por não ter quem lá trabalhe…)

Um mercadinho (ou não, visto que se chama Mercadinho de Nogueira… se calhar também não temos 3 cafés…)

Um bar chamado “Hangover”… ressacas para os amigos (ou, se calhar, sou só eu que lhe chamo isso)

Uma página no facebook

Estamos em grande. É tudo o que eu tenho para dizer. Não há um sapateiro, mas há dois clubes de futebol e um restaurante. Os autocarros demoram três horas, mas temos um bar para afogar as mágoas enquanto esperamos pelo 706, só não podemos é beber demais que depois a caminhada ainda é longa até à paragem… longa… na realidade, de uma ponta à outra de Milheirós são todos uns dois quilómetros. 

ALDEIA, senhores. Toda a gente sabe qual é o restaurante onde precisam de gente.

Aliás, quem quiser cortar os pulsos em Milheirós tem de ir afiar um pau da bouça primeiro, que aqui quase ainda nem se inventou a roda.

Anúncios

Sejam radiantes! Façam um comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s