Maria Radiante

Telemóvel com personalidade

Deixe um comentário

Sim, telemóvel com personalidade. Entenderam perfeitamente.

Passo a explicar: eu sou uma rapariga cor de rosa. Literalmente. Aliás, aqui há uns tempos perguntei ao marido se sabia qual a minha cor favorita e ele nem me deixou acabar, respondeu logo “cor de rosa”. Apetecia-me bater-lhe de imediato porque ao fim de onze anos ainda não sabia que a minha cor favorita é o azul, mas pronto, já passou e agora acho que já não tem dúvidas nenhumas. No entanto, acabo por compreender a confusão, sempre que quero coisas, são coisas cor de rosa.

Ora eu tenho um telemóvel (do século passado, porque para mim o telemóvel só serve para fazer chamadas e mandar uma ou outra mensagem de vez em quando) LG Cookie 501 preto. “Preto???”, perguntam vocês. Sim. Preto. Claro que eu queria cor de rosa (e arrependi-me de não ter comprado cor de rosa imediatamente), mas o marido convenceu-me com o “Ah e tal se algum dia eu precisar de usar o teu telemóvel, cor de rosa não fica bem…” e eu feita mócó, fui na cantiga do bandido e comprei preto… Resultado, ando há mais de três anos com um telemóvel que sempre achei tristonho por não ser da cor que eu queria (nesta última semana até tenho pensado em comprar tinta rosa e pintá-lo…).

Mas, se o preto não demonstra a personalidade do telemóvel pela visibilidade que o rosa teria, o senhor telemóvel decidiu que ia deixar marcas por onde quer que passasse. Se não é a bem, há-de ser a mal.

Nunca tive problemas por demais, mas o meu telemóvel sempre optou por fazer as suas próprias ligações de forma independente (é um touch screen) e como tal, é vê-lo na minha carteira a fazer telefonemas sozinho para quem bem lhe apetece e eu só dou conta ou quando me telefonam de volta ou quando ele decide fazer chamadas em alta voz e passo a ouvir o som de chamada vindo do fundo da minha carteira no meio do supermercado…

Mas não contente em usurpar todo o meu saldo (a título de exemplo, carreguei-o no dia 14 e no dia 16 já só tinha dois euros e qualquer coisa), ainda me troca as voltas e põe a tocar músicas pirosas quando alguém me telefona. Lá que tenha decidido ter personalidade ainda concordo, agora ter uma personalidade azeiteira é que não!!!

Ora, o telemóvel é meu, certo? E quem manda no telemóvel, sou eu, certo? Então, decidi tomar uma atitude e fazê-lo perceber quem manda. Em primeiro lugar ameacei trocá-lo por um novo, em segundo lugar dei-lhe muito TLC (Tender, love and care, entenda-se, amor e carinho) e descobri algumas coisas que o estavam a incomodar. Descobri que ele tocava a música foleira, porque a música que eu tinha escolhido estava no cartão de memória e que este estava mal colocado, logo, o pobre do LG não tinha outra opção que não fosse tocar a primeira foleirada que lhe aparecia e, quanto às chamadas, também me resolvi bem; como só faz chamadas para os primeiros seis número da lista telefónica, criei seis números novos começados por A que não têm número nenhum associado… logo, se decidir fazer chamadas sozinho, vai ficar a falar para o boneco, ihihih!

E mais, para trocar este (que está para as curvas para mais uns tempos, apesar de o marido querer, à força toda, impingir-me um novo com android e o diabo a quatro), só se for ou pelo novo Motorola Razr em lilás (que nem sequer é vendido em Portugal e que custa uma pequena fortuna, para mim, pelo menos), ou pelo LG Swift em cor de rosa lindinho (que também nunca vi à venda em Portugal…). Posto isto, tenho ponderado a compra de uma capa cor de rosa, mas o marido diz que a capa iria valer mais que o telemóvel e diz que prefere que eu compre um novo… mas eu não, por isso, para já ficamos assim, se algum dia vir uma capa lindinha cor de rosa, quem sabe…

Aproveito para deixar as fotos dos meus telemóveis cor de rosa até agora 🙂 .

O 3210 da Nokia com uma capinha rosa lindinha:

O MC60 da Siemens, também com capinha rosa:

E o meu favorito de todos os tempos (ainda o tenho e se funcionasse, voltava a usá-lo porque é mesmo fabuloso e LINDO!!!) o meu Motorola V3 em rosa:

Os que eu gosto atualmente (tirando o V3), vão agora:

O Motorola Razr (claro, é absolutamente adorável!!!):

E o LG Swift (fofinho q.b.):

E pronto, aqui está a minha lista de prendas, querido Pai Natal… “Não?” “Como assim, não é natal e isto não são os discos pedidos?” “Não estou a perceber, não era para pedir um telemóvel novo?” “É pá, desculpem lá, então…”

Ihihih! Faço anos em Julho 😉 .

Anúncios

Sejam radiantes! Façam um comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s