Maria Radiante

Lágrimas de crocodilo

2 comentários

Às vezes as pessoas têm destas coisas e numa última visita ao programa da casa da Teresa Guilherme vi uma pérola de todo o tamanho que tenho mesmo de partilhar. Só hoje vi o programa, confesso que ando atrasada nestas coisas dos senhores dos segredos e como tal só agora dei conta…

O senhor Menir deu à luz dois Menirzinhos, certo? Certo. E a louca da Cátia viu as crias e desatou a chorar!!! Não há pachorra, mas já lá vamos. Diz o amigo, de imediato: “Ó Catia, não precisas de chorar que isto é plástico.”…

Mas que raio se passou ali que eu não percebo? Aquela senhora não fecha lá muito bem a porta pois não. Eu até compreendo que às vezes as pessoas emocionam-se por coisas um bocadinho parvas, mas plástico? Será que também chora quando vê o plástico que a amiga implantou nos airbags?

É muito triste.

Mas já acabou, e este é o último post sobre a coisa, só para fechar o capítulo, até porque o marido hoje já me disse que ver aquilo enquanto está no ar é mau, mas ver aquilo depois de já ter acabado é um bocadinho decadente… e pronto, sendo assim, não vejo mais e também não falo mais sobre isto – a menos que a coisa se proporcione, claro, de forma incontornável -, mas que tinha de mencionar esta última pérola, tinha. Tipo, aquilo era mesmo a sério? Quando se vê um bocado de plástico chora-se? O meu portátil também é pequenino e também tem plástico e ao lado do meu portátil grande – avariadíssimo – também parece um filhinho… será que é melhor eu começar a chorar? Assim, por via das dúvidas, é que se for para chorar já adianto caminho… Concordo plenamente, a senhora D. Cátia tem de ir parar aos senhores Morangos porque pelo menos finge que chora muito bem…

secret story

Anúncios

2 thoughts on “Lágrimas de crocodilo

  1. e acho que vai mesmo entrar nos morangos amiga. pelo menos era o que vinha na capa de uma revista lol. é actrizes assim que o nos precisamos 🙂 ihihih…burra e chorona…nada contra claro

    Gostar

    • também não tenho (quase) nada contra. só mesmo o facto de haver gente realmente talentosa que nunca há de ter uma oportunidade sequer, apenas porque não andaram a respirar (e afins menos próprios para o meu site) numa casa com câmaras. tirando isso também não me chateia 🙂

      Gostar

Sejam radiantes! Façam um comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s